5 estratégias que impulsionam o comércio electrónico

brainstorm

Quem acompanha as tendências do comércio electrónico de perto, sabe que ele altera e evolui de dia para dia.

Eliminar obstáculos e fazer com que uma compra se torne mais simples e rápida, é o grande objectivo. É por isso que o desenvolvimento de estratégias tecnológicas permite que a abordagem ao cliente seja mais certeira.

Se está a pensar implementar soluções para tornar a sua loja online mais atractiva e eficiente, este artigo é para si. Entre ajudá-lo a captar clientes, escolher a forma mais adequada de os abordar e garantir a sua satisfação, vamos mostrar-lhe que com pouco, é possível incrementar vendas.

Afinal, que estratégias são essas?


1 – Monitorização da audiência

Para conseguir vender online, em primeiro lugar, há que fazer com que os seus potenciais clientes cheguem até à sua loja. Existem ferramentas específicas que monitorizam a sua audiência, isto é, que lhe mostram quantas pessoas visitaram a sua página e qual a sua origem.

O Google Analytics, por exemplo, dá acesso a informações importantes, tais como:
 Número de visitas;
 Origem das visitas (pesquisa no browser, redes sociais, e-mail marketing, etc.);
 Dados demográficos (região de onde vêm os acessos);
 Páginas mais visitadas dentro da loja online.

Estes dados são importantíssimos, não só para mostrar de que modo se comportam os seus consumidores na sua loja online, como também o ajudam a perceber onde deverá concentrar os seus esforços e recursos.

2 – Logística de entrega

A logística tem um papel fundamental na experiência do consumidor. A experiência revelar-se-á bastante positiva, caso a entrega dos seus produtos ocorra no menor tempo possível, por exemplo.

Por isso, utilizar ferramentas que automatizem a gestão de despacho das encomendas é muito importante. Caso contrário, os seus clientes vão ficar insatisfeitos com a demora.

Além do mais, seria benéfico para a sua solução de e-commerce se o cliente tivesse várias opções de entrega. A constar no checkout do seu e-commerce, deveria ser apresentada uma alternativa de entrega mais económica e com um prazo mais alargado e uma outra, mais cara, mas também mais rápida.

3 – Atendimento ao cliente

Para proporcionar um bom atendimento ao cliente, a agilidade e o respeito são essenciais. Apesar de haver questões que exijam uma maior atenção, há outras que são bastante simples e que necessitam apenas de um encaminhamento rápido.

No que toca a agilidade, a automação pode ser uma excelente ajuda. Por que motivo há-de um cliente esperar alguns minutos por um atendimento telefónico, se via chat conseguiria resolver o seu problema?

É para este tipo de situações que os chatbots são cada vez mais utilizados. Estas ferramentas podem ser programadas para responder a algumas questões, o que acaba por facilitar o processo de atendimento e por contribuir para a satisfação do cliente.

4 – Experiência do cliente

O comércio electrónico pode até reduzir o contacto pessoal, no entanto, isso não significa que o seu cliente deverá ser tratado como sendo “só mais um”. Entre o primeiro contacto e o pós-venda, toda a experiência do utilizador deve ser idealizada para ser o mais positiva possível e, de preferência, personalizada.

Chamar o cliente pelo seu nome, usar o seu histórico para solucionar problemas de forma ágil e enviar ofertas baseadas nas suas preferências, são alguns cuidados que primam pela diferença e que, por isso, deverão ser levados em consideração.

O CRM (Customer Relationship Management) é importante para registar as interacções que tem com os seus clientes. Esta ferramenta também permite que quem presta o atendimento ao cliente, conheça melhor os seus consumidores e lhes ofereça soluções adequadas às suas necessidades.

5 – Redução da taxa de abandono do carrinho

Um dos principais entraves do comércio electrónico é o abandono do carrinho. Desde o processo de checkout demasiado longo aos transtornos na hora de efectuar o pagamento, são vários os motivos que levam a que os consumidores desistam de efectivar uma compra.

A finalização de uma compra em apenas 3 passos pode ajudar a solucionar este problema. Além de se tratar de um processo simples e intuitivo, é certo e sabido que esta solução irá resultar numa maior conversão.


Agora que o ajudámos a encontrar soluções para alguns dos problemas mais comuns de quem gere um e-commerce, já não tem desculpas para não tornar o seu negócio mais atractivo e eficaz.

Mãos à obra? 👍

SAIBA MAIS

Partilhar:
Anterior Próximo

Também poderá estar interessado...

Ferramentas LVEngine

Comentários

Socialize com a LVEngine:

Instagram

LVENGINE

LVENGINE

Somos uma empresa constituída por especialistas nas áreas de Desenvolvimento Web, Design e Marketing Digital. O nosso grande objetivo é o de desenvolver a solução perfeita para o cliente, disponibilizando um serviço personalizado, com vista a acrescentar-lhe valor.

Continuar a ler

Categorias de artigos

Arquivo do Blog